Com apoio do PSB, Dilma diz que faz questão de procurar Ciro

Portal Terra

“A pré-candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, recebeu nesta quarta-feira o apoio do PSB na corrida pelo Palácio do Planalto e disse, ao lado do presidente nacional da legenda, Eduardo Campos (PE), que "fará a maior questão" de procurar o deputado licenciado Ciro Gomes (PSB-CE) para tê-lo como apoiador para as eleições de outubro.

"Tendo o maior respeito, admiração e a maior consideração pelo deputado e ex-ministro Ciro Gomes. Tenho também relações afetivas com ele. Tenho certeza que sempre estaremos do mesmo lado. Farei a maior questão de procurar Ciro Gomes", disse a pré-candidata.

Ciro Gomes disputava a indicação do partido para poder concorrer à presidência da República, mas foi excluído do processo após os pessebistas entenderem que era preciso apoiar Dilma em nível nacional. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva trabalhava para que o deputado fosse o candidato da base aliada ao governo de São Paulo, mas Ciro insistiu na disputa pelo Palácio do Planalto e acabou excluído da concorrência do processo eleitoral. Dias depois pediu licença temporária de seu mandato como deputado.

"Vou ter parceiros reais nessa empreitada que começa agora. Para mim essa é a uma decisão estratégica. Agradeço esse apoio e o valorizo muito. Vai qualificar a minha disputa", disse Dilma. No próximo dia 21 de maio o PSB fará a convenção de ratificará definitivamente o apoio à pré-candidata petista.

Dilma participou, ao lado do presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, de almoço com o presidente do PSB, Eduardo Campos, e com a executiva da legenda. Presentes na reunião, agendada em um hotel de Brasília, o primeiro vice-presidente da legenda, Roberto Amaral, o deputado e pré-candidato ao governo do Rio Grande do Sul, Beto Albuquerque, o líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza, e o líder do PSB na Casa, Rodrigo Rollemberg.
Foto: Roberto Stuckert Filho
Postar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: