'Política externa não se faz com o fígado', diz Dilma

Anne Warth, Agência Estado

“A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, disse hoje considerar "prudente" que governantes e dirigentes políticos "guardem para si" suas opiniões em relação aos governos de outros países. "Devemos nos manifestar diante de golpes de Estado. No restante, há que se ter certa cautela", disse a presidenciável, em entrevista a jornalistas após participar de almoço e debate com integrantes do Grupo de Líderes Empresariais (Lide), em São Paulo. Questionada, a candidata não esclareceu se as declarações faziam referência ao seu adversário tucano, o candidato José Serra, que recentemente criticou os governos do Irã e da Bolívia. "Acho prudente saber que política externa se faz com a cabeça, não com o fígado", afirmou.

Ao relembrar as divergências entre Brasil e Bolívia sobre o fornecimento de gás natural, a ex-ministra-chefe da Casa Civil disse que o governo Lula se recusou a atender clamores para que o País demonstrasse seu poderio diante do vizinho. Da mesma forma, ela citou que o Brasil evitou um novo conflito com o Paraguai por conta da polêmica sobre a Usina Hidrelétrica de Itaipu.”
Matéria Completa, ::Aqui::
Postar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: