Após reunião com Lula, governadores vão às ruas por Dilma



Eduardo Campos (PSB-PE) afirmou que Marina tem mais afinidade com PT. Deputado Ciro Gomes (PSB-CE) disse que se dedicará '100%' à campanha.

Nathalia Passarinho e Fábio Tito, G1

Após reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva na manhã desta terça (5) no Palácio da Alvorada, governadores e parlamentares eleitos da base aliada disseram que vão às ruas fazer campanha para eleger a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff. A petista disputará o segundo turno contra José Serra (PSDB).

Participaram do encontro com Lula governadores de dez estados, além de parlamentares eleitos e ministros do governo, entre os quais o de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e de Planejamento, Paulo Bernardo.

A reunião teve por objetivo mobilizar a base aliada para eleger Dilma. Segundo Padilha, o presidente pediu que os governadores eleitos não “desmontassem as campanhas nos estados”. “É para manter a estrutura para fazer campanha em prol da nossa candidata”, afirmou.

Em nome dos 10 governadores presentes à reunião, Eduardo Campos (PSB), governador de Pernambuco, disse que os candidatos eleitos que apoiam o governo vão se dedicar a atividades políticas nos estados para promover a petista.

“Nós vamos participar das atividades, vamos colocar a campanha na rua, vamos andar, vamos colocar a nossa militância, nossos candidatos que ganharam, que perderam, para fazer atividade política, para levar o debate político, mostrar os dois projetos em discussão”, afirmou.

Campos disse que há amplo potencial de crescimento de Dilma nos estados. “A avaliação feita pelos governadores eleitos e senadores é de que nos estados tem um potencial de crescimento. Já tem pesquisas mostrando crescimento. Dilma vai ter mais votos nos estados.”
Foto: Antonio Cruz, Agência Brasil
Matéria Completa, ::Aqui::
Postar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: