Governo corta R$ 50 bi do Orçamento, mas mantém verba de programas sociais

Minha Casa, Minha Vida, Bolsa Família e PAC terão investimento preservado da tesoura

Do R7

Os ministros da Fazenda, Guido Mantega, e Miriam Belchior, do Planejamento, anunciaram nesta quarta-feira (9) um corte de R$ 50 bilhões no Orçamento do governo federal. O governo da presidente Dilma Rousseff não deverá tirar nenhum centavo dos programas sociais como o Minha Casa, Minha Vida, o Bolsa Família e o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento).

A tesoura nos gastos do governo é mais do que o dobro do visto no ano passado (R$ 21,8 bilhões). Até então, esta economia havia sido a maior nos oito anos de governo Lula. No total, o projeto do Orçamento da União previa gastos de mais de R$ 2,048 trilhões, que agora serão de 1,998 trilhão.

O governo disse que, ao contrário de cortes anteriores, desta vez o dinheiro não será contingenciado. Em outras palavras, significa dizer que esse dinheiro não ficará guardado para eventuais liberações de verbas ao longo do ano.

Mantega afirmou que espera cumprir três objetivos com este corte, que chamou de “consolidação fiscal”: manter as contas públicas sob controle, reduzir a dívida do país e ajudar na queda da taxa de juros.”
Matéria Completa, ::Aqui::
Postar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: