Dilma Rousseff e secretário da ONU abrem oficialmente as atividades da Rio+20


Com discurso de que o respeito ao meio ambiente não se faz apenas quando a economia está em expansão, Dilma abriu a Conferência no Riocentro

Fran Ribeiro, Primeira Edição

Com um grande aparato de segurança, cerca de 6 mil policiais atuando em torno do Parque dos Atletas, no Rio de Janeiro, onde está a instalação do Pavilhão Brasil na Rio+20, no final da manhã desta quarta-feira (13), a presidenta Dilma Rousseff deu o início oficial para a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável. De hoje até o dia 22, representantes e autoridades de vários países que compõe a ONU tentarão traçar um planejamento e soluções sustentáveis para que o mundo continue crescendo economicamente em conjunto com a preservação dos bens comuns da Terra.

Acompanhada dos ministros Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior), Antonio Patriota (Relações Exteriores), Izabella Teixeira (Meio Ambiente), Aloísio Mercadante (Educação), Ana de Holanda (Cultura) Edison Lobão (Minas e Energia), Helena Chagas (Comunicação), Gastão Vieira (Turismo) e Marco Antonio Raupp (Ciência, Tecnologia e Inovação), Dilma, em seu discurso, declarou que o governo não considera que a conservação do meio ambiente só se dá em fases em que a economia mundial está em expansão.

"Nós consideramos que um posicionamento pró crescer, incluir, preservar e conservar é parte intrínseca de uma concepção de desenvolvimento", disse a presidenta, enfatizando as políticas adotadas para a conservação das riquezas naturais, dos índices de desmatamênto da floresta Amazônica, que de 2004 para cá já representa 77% do total.”
Foto: Júlio Guimarães/UOL
Matéria Completa, ::AQUI::
Postar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: