Dilma explica ao Senado os nove vetos ao Código Florestal

Portal Terra


“Em mensagem enviada ao presidente do Congresso Nacional, senador José Sarney (PMDB-AP), a presidente Dilma Rousseff enumera os motivos que levaram aos nove vetos no Código Florestal. Segundo explicou a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, em entrevista concedida na quarta-feira, os vetos, no conjunto, buscaram preservar o princípio que justificou a edição da medida provisória, "que significa não anistiar, não estimular desmatamentos ilegais e assegurar a justiça social".
Na mensagem, publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União, a presidente informa que os vetos atendem a orientações dos ministérios do Meio Ambiente, da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário, além da Advocacia-Geral da União (AGU).
Vetos
No texto, o governo relaciona argumentos ambientais e jurídicos. O veto ao Parágrafo 9º do Artigo 4º, por exemplo, ocorreu porque o texto incluído pelo Congresso no texto original da Medida Provisória 571 provocaria "dúvidas sobre o alcance do dispositivo", o que poderia levar a "controvérsias jurídicas na aplicação da norma".

Já o veto ao Inciso II do Parágrafo 4º do Artigo 15 foi motivado porque, na interpretação do Palácio do Planalto, diferentemente do previsto no Inciso I do mesmo artigo, o dispositivo "impõe uma limitação desarrazoada às regras de proteção ambiental".
Para o Executivo, o Parágrafo 1º do Artigo 35 permitiria a interpretação de que passaria a ser exigido o controle de origem do plantio de espécies frutíferas pelos órgãos ambientais. A medida, na avaliação da Presidência da República, "burocratiza desnecessariamente a produção de alimentos" e, por isso, foi alvo de veto. “
Matéria Completa, ::AQUI::
Postar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: