Governo concedeu R$ 77,8 bilhões de isenções de impostos ao setor produtivo em 2013


 Blog do Planalto

"O governo federal abriu mão de uma arrecadação de R$ 77,8 bilhões em 2013, ante R$ 46,5 bilhões em 2012. Com isso, o volume do dinheiro que deixou de entrar nos cofres públicos aumentou em R$ 31,33 bilhões em relação à renúncia fiscal do ano anterior. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (19), pela Secretaria da Receita Federal.

O aumento ocorreu principalmente porque a União elevou o número de setores beneficiados pela desoneração da folha de pagamento das empresas, reduziu o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) sobre automóveis e itens da chamada linha branca (fogões, geladeiras e máquinas de lavar) e diminuiu o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre operações de crédito.

Além dessas, as desonerações autorizadas pelo governo incluem os produtos da cesta básica, a Cide dos combustíveis e a correção da tabela do Simples Nacional, entre outros.

Por outro lado, o governo arrecadou em 2013 os tributos devidos pelas empresas em anos anteriores, por meio do Refis da Crise, que gerou uma receita de R$ 21,78 bilhões a mais. Sem esses parcelamentos, a carga tributária do País teria registrado uma redução, ao invés de aumento."
Postar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

valdeir vieira da silva disse...

Muito bom seu blog!

http://www.valdeirvieira.com/villaggio-lake-gardens/